A casa caiu: SESAU deixa transparecer que medidas de Paulo Bomfim são meramente empíricas



Não adianta, uma mentira não consegue se manter por muito tempo. Muito menos para a vida toda.

Por Sidney Lima

A resposta desaforada da SESAU ao site de notícias RedeGN, que produziu uma matéria sólida e baseada em dados públicos deixou transparecer uma irritação da Prefeitura de Juazeiro, ao ser comparada à vizinha Petrolina, fazendo com que entendêssemos que a SESAU tem o controle total e absoluto da situação do Covid-19 no município de Juazeiro.



Há muito tempo, nós vínhamos dizendo que a Prefeitura de Juazeiro estava ultrapassando os limites da democracia e se utilizando de meios surreais para o controle dessa pandemia, sem a justificativa científica para tais atos. Nunca houve razão para acreditarmos que um município que, até hoje, não se preparou para uma possível devastação do vírus; que não criou leitos de UTI para se antecipar ao possível caos tão anunciado; que nem ao menos ventila a possibilidade da construção ou da reforma de algum espaço para a preparação de um Hospital de Campanha digno aos mais de 216 mil habitantes, bem como aos incontáveis visitantes de outras regiões do país, já que estamos em uma rota rodoviária comercial bem abrangente; poderia estar amparado pela ciência para adotar ações de restrição de liberdade tão ásperas quanto as que estão sendo impostas ao nosso povo. Além do fato de já termos comprovado, aqui, que muita gente pelo país está morrendo de qualquer coisa, mas com registros recaindo sobre a Covid-19, sabe-se lá o porquê (claro que sabemos).


Como podemos entender que o fechamento absurdo do comércio, ou a violência gratuita contra pais de família que precisam comer através de suas pequeníssimas empresas (quando não barraquinhas de rua), ou mesmo a determinação absurda do famigerado toque de recolher, sem que o Presidente tenha decretado Estado de Sítio, podem ter advindo de uma questão científica? E, agora, o pior: como acreditar que estamos sob proteção científica de nossa Prefeitura, quando Paulo Bomfim, fazendo alusão à antecipação de feriados estaduais, se limita a colocar uma notinha informando que Juazeiro seguirá as ordens do Governador, que, a princípio, antecipou os feriados para tentar uma solução para nove municípios em estado descontrolado da doença, que não é o caso de Juazeiro?


Mas, é claro que grande parcela desses absurdos é culpa do STF, que emitiu parecer de que Governadores e Prefeitos não precisam seguir orientações do Governo Federal, engrossando os pescoços dessas feras ávidas pelo poder, de forma que estes passaram a desrespeitar tudo que venha da Presidência da República. Já nem mais atendem aos Decretos que estipulam as atividades essenciais para a população, contribuindo ainda mais para o caos econômico que está por vir (e que será muito bem vindo pra eles), para as brigas políticas que querem impetrar durante as campanhas políticas que vêm por aí.


Agora, voltando ao assunto principal, a malfadada Nota de Resposta da SESAU à RedeGN, ficamos perplexos quando lemos que a SESAB “não testa quem não procura o sistema de saúde relatando sintomas, a não ser no caso de mapeamentos imunológicos”. Ou seja, enquanto alguns governantes testam para localizar e isolar focos de existência da doença, para que assintomáticos não transmitam para a população de risco, nossos administradores de Juazeiro se utilizam de argumentos como o do IBOPE já ter realizado a testagem de 250 pessoas em Juazeiro, de forma aleatória, sem nenhuma pessoa apresentasse resultado positivo para Covid-19, para indicar que nossa cidade não possui o mesmo grau de subnotificação que se aplica a outros municípios. Ou seja, que estamos totalmente bem controlados e tranquilos.


Mas, o pior ainda está por vir. A SESAU, de forma bem austera, alega que os profissionais da RedeGN não são competentes, sob a alegação de que publicaram uma matéria sem que estivessem devidamente informados, informando que existe sim um grupo de avaliação conjunta, coordenado pela Univasf, e que existe outro grupo permanente fazendo o acompanhamento da rede PE-BA. Mas, será que esses grupos estão realmente orientando cientificamente as decisões catastróficas do Prefeito de Juazeiro, que nada demonstra estar fazendo, além de seguir como cordeirinho de Rui Costa?


Fechando com chave de ouro, sem olhar para o umbigo da péssima administração do Prefeito Paulo Bomfim, a SESAU ainda quis dar uma de entendida em outras esferas do conhecimento, sugerindo que os profissionais daquele blog, por demais insultado, seguissem os princípios elementares de qualquer manual do bom jornalismo. Se não fosse trágico, seria cômico.



Sidney Lima

Pós-Graduado em Administração

de Segurança Pública e em

Publicidade e Propaganda

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro-BA, 48904-087