Anvisa diz que faltam 'dados específicos' para iniciar testes da ButanVac em humanos



Apesar de a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ter dado aval positivo para os testes clínicos da ButanVac, nova vacina contra Covid-19 do Instituto Butantan, o órgão cobrou mais informações para que a aplicação das doses em humanos aconteça.

A Anvisa publicou uma nota nesta terça-feira (30) esclarecendo que ainda faltam dados específicos para iniciar os testes em humanos.

Técnicos da Anvisa e do Instituto Butantan se reuniram na segunda (28) para discutir a pesquisa clínica da vacina Butanvac, além de avaliar os dados apresentados pelo Instituto, que estão sendo levantados antes do início da aplicação da vacina em seres humanos.

“O protocolo de pesquisa clínica da Butanvac já está aprovado pela Anvisa, mas para que a vacina comece a ser aplicada em seres humanos é necessário apresentar dados específicos, que ainda estão sendo gerados pelo Butantan. Um exemplo são os dados que tratam da inativação do vírus utilizado na vacina”, argumentou a Anvisa.


Comente e Compartilhe!