Após comentários sobre os cabelos das jogadoras do Bahia, comentaristas são afastados da transmissão


Comentaristas comparam o visual com o da cantora baiana Margareth Menezes e artista se manifesta

Bahia e Napoli jogaram nesse domingo pelo Brasileirão Feminino (Foto: Divulgação/Bahia)


Uma polêmica marcou a transmissão do jogo entre Bahia 2 X 2 Napoli pelo Campeonato Brasileiro feminino. Durante a transmissão do Mycujoo e CBF TV no primeiro tempo, o comentarista Edson Florão teria destacado os cabelos exóticos das jogadores do time visitante fazendo uma comparação dos cabelos das atletas com o da cantora Margareth Menezes. Ainda na fala, o narrador afirmou que os cabelos davam vantagens na estatura de 'meia dúzia' de jogadoras do time do Bahia.

Minutos depois, o narrador Paulo César Ferrarin defendeu o comentário do colega após questionamento de um espectador (Acácio Miranda - foto à direita). Segundo o narrador "é muito mimimi". Os dois foram afastados das transmissões do Brasileirão Feminino.


Ferrarin ainda reforçou a posição dele e do colega com relação aos comentários e disse que estava com o pessoal "das aparências", fazendo referência novamente as características não só das jogadoras, como das pessoas que estavam com eles. Ele ainda completou fazendo críticas ao telespectador, "você está fora da realidade, elogiar os artistas da Bahia para você... Realmente é muito 'mimimi', meu amigo. A gente está elogiando. Talvez você ( o espectador) não conheça Margareth Menezes, o talento dela".


Em suas redes sociais, a CBF lamentou o episódio e pediu que os profissionais fossem afastados. Confia a nota completa da CBF:

"Durante a partida Napoli x Bahia, pelo Brasileiro Feminino A-1, a equipe de transmissão do MyCujoo fez comentários preconceituosos direcionados a atletas do Bahia. A CBF lamenta profundamente o ocorrido e informa que solicitou ao MyCujoo que os profissionais fossem afastados imediatamente das transmissões, o que foi prontamente atendido pela plataforma. Não podemos admitir que o futebol seja palco para esse tipo de comportamento".


A cantora Margareth Menezes se manifestou em suas redes sociais sobre o ocorrido. Confira:

Margareth Menezes e sua equipe repudiam toda e qualquer forma de preconceito.

O fatídico episódio de hoje, durante o jogo Napoli x Bahia, em que comentários preconceituosos foram direcionados às atletas e à artista Margareth Menezes, é algo que não pode ocorrer. Sobretudo em tempos em que estamos discutindo e ampliando diálogos sobre racismo, machismo e sexismo. É absurdo, impensável e inadmissível que discursos como estes sejam normalizados.


Agradecemos a todo apoio do E.C. Bahia, da CBF e de todas as pessoas que se manifestaram nas redes sociais.


A rede social oficial da My Cujoo também se manifestou:


"Nós do MyCujoo lamentamos o ocorrido hoje na transmissão de Napoli-SC x Bahia, pelo Brasileirão Feminino A1. Nosso trabalho tem o intuito de mostrar o melhor do futebol nacional e em especial dos campeonatos femininos, desde que começamos a transmitir jogos no Brasil.


Entendemos que quaisquer comentários sobre características físicas das jogadoras são, de fato, inaceitáveis. Todas as nossas equipes de transmissão recebem orientações prévias para que este tipo de situação não aconteça.


Por isso, pedimos desculpas às jogadoras envolvidas e decidimos substituir os profissionais em questão para as partidas futuras."


Iana Lima / Com informações G1 Bahia

Comente e Compartilhe!