Após decisão de Rui, secretário especial de Cultura enfrenta o governador




Após o veto do governador Rui Costa (PT) à nomeação do policial militar baiano André Porciuncula Alay Esteves para assumir a Secretaria Nacional de Fomento e Incentivo à Cultura, na última quarta-feira (16), o secretário especial de Cultura, Mário Frias, resolveu partir para o confronto.


Em suas redes sociais, o ator respondeu ao deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que André fará parte da Secult, mesmo depois da proibição por parte do governador baiano.


“André Porciuncula estará conosco!”, declarou o secretário.



Fonte: Política ao Vivo