Astrazeneca diz que pode ter vacina contra Covid-19 a partir de setembro



Em audiência ao Congresso americano ontem (21) representantes de companhias farmacêuticas e de biotecnologia que trabalham para desenvolver vacinas para a Covid-19 disseram que estão encaminhadas para ter uma possível vacina já no fim deste ano ou no começo do próximo. Uma das representantes, inclusive, espera ter uma vacina pronta a partir de setembro. 


O vice-presidente executivo de pesquisa e desenvolvimento de biofarmacêuticos da Astrazeneca, Mene Pangalos disse que a vacina da empresa poderá ser disponibilizada "em qualquer momento a partir de setembro", se tudo correr bem nos testes clínicos.


Os resultados preliminares do estudo das fases 1 e 2 da vacina contra o novo coronavírus desenvolvida pela Universidade de Oxford em conjunto com a Astrazeneca sugerem que ela é segura e induz resposta imune.