Auxílio emergencial deve ser prorrogado, mas valor será debatido, afirma Maia



Benefício foi planejado inicialmente para durar três meses, com término em julho

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse hoje (28) que acha "muito difícil" que o auxílio emergencial para informais não seja prorrogado por mais três meses depois de junho. No entanto, o valor de R$ 600 será discutido. A informação foi divulgada pelo jornal O Globo.

"Acho muito difícil que não seja prorrogado. A gente sabe o custo. Eu tenho medo de redução do custo do auxílio emergencial, o que isso impacta na reação das pessoas. Não é uma decisão simples. Prorrogar acho que é um consenso. O que vai se debater é o valor", afirmou o presidente da Câmara.

O valor do auxílio emergencial é definido pelo Congresso Nacional a proposta inicial era um auxílio de R$ 200, parlamentares defenderam o aumento para R$ 600. O governo ainda não definiu uma proposta para a prorrogação.


Fonte: Metro1

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087