Brasil reencontra algoz Paraguai em busca das semifinais da Copa América.


Sem saber o que é passar de uma fase de quartas de final da Copa América desde 2007, quando foi campeã, a Seleção Brasileira enfrenta o Paraguai na noite desta quinta-feira (27), às 21h30, na Arena do Grêmio, com a missão de espantar o tabu e ir às semifinais da competição continental. Vale lembrar que "La Albirroja" foi algoz do time canarinho, justamente nesta fase, nas edições de 2011 e 2015.


Após viver uma fase regada a contestações e vaias, o time do técnico Tite ganhou uma nova energia depois da grande atuação e a goleada sobre o Peru por 5 a 0. Na primeira fase, a equipe marcou oito vezes e ainda não sofreu gols. Quem quer aproveitar a fase com as redes é o volante Arthur, que sonha em marcar com a camisa amarelinha no retorno à casa gremista, lugar onde foi muito feliz no futebol nacional.


"Seria perfeito marcar um gol aqui. Não é minha principal função (fazer gol), mas tenho me cobrado por isso. O Tite sempre nos cobra para chutar mais, fazer o goleiro trabalhar ao menos para dar um susto. Se isso acontecer aqui na arena seria inesquecível", declarou. 


Ciente da característica decisiva da partida, o técnico Tite apontou a necessidade de uma concentração alta e de evitar os erros ao máximo durante os noventa minutos.


"Jogo decisivo, margem de acerto tem que ser alta. Características mentais têm que estar fortes, porque são jogos decisivos. Nível de concentração altíssimo. Preparar para diferentes situações. Evolução da equipe, saber absorver. Tem uma série de componentes", afirmou. 

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087