Butantan apresentará pedido de uso emergencial da CoronaVac à Anvisa


Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo


O Instituto Butantan submeterá à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nesta quinta-feira (7) o pedido de autorização para uso emergencial da vacina contra a Covid-19 CoronaVac.


O imunizante foi desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Butantan. Milhares de doses do imunizante já estão no país sob responsabilidade do instituto.

Em coletiva, o governador de São Paulo, João Doria, explicou que o pedido não foi formalmente feito ainda. Na manhã desta quinta houve uma "reunião preparatória" e se espera que a Anvisa faça a solicitação de esclarecimentos. Nesta tarde, deve haver uma outra reunião. "A submissão será feita logo que tenhamos a formalização solicitando o pedido de uso emergencial", explicou.


Também nesta quinta-feira foram divulgados dados que indicam que a CoronaVac apresentou eficácia de 78% nos casos leves e 100% nos casos graves nos estudos finais realizados no Brasil (veja aqui).


A Anvisa estabeleceu um prazo de dez dias para a análise do pedido de uso emergencial. Já a avaliação do pedido de registro definitivo é feita em até 60 dias.



Fonte: Bahia Notícias



Sua opinião é importante para nós. Faça o login e deixe seu comentário no rodapé de nossas matérias. O CARTAZ DA CIDADE agradece por sua participação.