Calheiros pedem que OAB suspenda Janot para 'apuração psicológica e toxicológica'.



O senador Renan Calheiros (MDB-AL) aditou representação que havia feito à OAB contra o ex-Procurador-geral Rodrigo Janot, de acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo.

Calheiros pede que a entidade suspenda Janot por 180 dias para a realização de “apuração psicológica e toxicológica do mesmo”. O emedebista cita um risco “iminente de atentado a ministros do STF”.





Fonte: Bahia Notícias