Celso de Mello prorroga inquérito sobre acusações de Moro contra Bolsonaro




As investigações se baseiam em denúncias do ex-ministro sobre uma possível interferência do presidente na Polícia Federal

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello prorrogou por mais 30 dias o inquérito que apura as acusações de tentativa de interferência na Polícia Federal (PF) por parte do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). As investigações se baseiam nas acusações do ex-ministro da Justiça, Sergio Moro.




Fonte: Metrópoles