Estácio é alvo de ação do MP-BA por não realizar colação de grau de turma de Direito.


O Ministério Público da Bahia (MP-BA) moveu uma ação civil pública contra o Centro Universitário Estácio, por não ter realizado a colação de grau de 62 alunos do curso de Direito, que estava prevista pra acontecer no dia 16 de agosto de 2018. De acordo com a ação, os estudantes só foram informados que a colação de grau não aconteceria já no dia da cerimônia. O MP requer ainda que o Centro Universitário Estácio da Bahia indenize os consumidores em razão dos danos materiais e morais sofridos diante das práticas abusivas praticadas contra os estudantes.


A promotora de Justiça Joseane Suzart afirma que a “situação que lhes causou sérios

prejuízos, pois familiares e amigos de muitos alunos lesados com a ação da instituição foram para a cerimônia de colação de grau, que não ocorreu, sendo que algumas pessoas se deslocaram de outras cidades para o local onde deveria ter acontecido a solenidade”. Os alunos aprovados no Exame de Ordem da OAB, por conta da não realização da cerimônia, não puderam obter a carteira de identificação da instituição, e em consequência disso, não puderam exercer a profissão.




Fonte: Bahia Notícias

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087