Flordelis será ouvida na quarta (23) pela Corregedoria da Câmara dos Deputados




A deputada federal Flordelis (PSD-RJ), ré por orquestrar a morte do marido, pastor Anderson do Carmo, será ouvida nesta quarta-feira (23) pela Corregedoria da Câmara dos Deputados. Ela dará sua versão do caso para o corregedor parlamentar, deputado Paulo Bengtson (PTB-PA), que na semana passada recebeu a defesa escrita da parlamentar.


A oitiva, segundo ele, será presencial e “complementar” à defesa escrita, e ainda não tem hora marcada. A deputada deve colocar a tornozeleira eletrônica para monitoramento nesta segunda-feira, na Secretaria de Administração Penitenciária do Rio. Para Bengston, o processo político não tem impacto diante da decisão da Justiça do Rio.


Como base para a decisão, a juíza Nearis dos Santos, responsável pelo processo, lembrou que Flordelis tentou atrapalhar as investigações da morte do marido. Segundo a juíza, com a tornozeleira eletrônica também ficaria mais fácil a fiscalização de que medidas cautelares anteriores sejam cumpridas, como a proibição de contato com testemunhas e acusados do assassinato.


Fonte: CNN Brasil

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087