Juazeiro precisa de embalagens

População depende de produtos que não estão sendo facilmente encontrados.


O presidente da República, Jair Bolsonaro, disciplinou, para todo o país, quais serviços são considerados essenciais e não podem, portanto, ser paralisados por medidas como a quarentena. O objetivo é impedir a interrupção de atividades e do fornecimento de insumos e materiais necessários à sobrevivência, saúde, abastecimento e segurança da população. Dentro desses serviços classificados como essenciais, podemos dizer que pelo menos um deles não está sendo atendido no município de Juazeiro-Ba, pois as lojas de comercialização desses não estão podendo ser abertas: o da comercialização de embalagens.

Com o isolamento social, as compras e vendas por meio de delivery cresceram muito. E ainda podem vir a crescer mais, caso a situação de “quarentena” se perdure por muito mais tempo que os quarenta dias que a palavra quer dizer.

Assim sendo, podemos dizer que a produção e distribuição das embalagens (de todos os tipos) será crucial para a manutenção da estratégia de contingenciamento do vírus. Em conversa com Adriano Freire, empresário e administrador da Empório Embalagens, verificamos que “o crescimento das vendas no setor se deu por conta da necessidade da população em ter embalagens para os produtos que precisam ser comprados junto às empresas de alimentação, medicamentos, peças de veículos etc., e que precisam ser devidamente embalados, para garantir as entregas de forma correta e a rotatividade das empresas que precisam manter a sobrevida da população nos momentos de hoje”.


Em diversas outras reportagens, nos mais variados meios de comunicação que conhecemos, verificamos que as compras online cresceram exponencialmente. E não é pra menos, pois, se um cliente não pode ir comprar uma feijoada, por exemplo, a feijoada tem que chegar na casa do cliente.

Adriano informa ainda que está entregando suas embalagens, sob encomenda, através do telefone 74 3611-1112, e espera que, o quanto antes, o Prefeito de Juazeiro possa encarar esta atividade como essencial, para que ele, dentro das precauções necessárias, possa abrir seu estabelecimento, que fica na Av. Oscar Ribeiro, no Centro de Juazeiro-Ba, para ajudar a atender melhor às pessoas que estão em casa, na espera das entregas necessárias.

Outros serviços e atividades essenciais poderão ser incluídos posteriormente na lista do Governo, por meio de resolução do Comitê de Crise para Supervisão e Monitoramento dos Impactos do Covid-19, e a equipe do Cartaz da Cidade segue alerta e com esperança de que a crise acabe o mais rápido possível, para que os juazeirenses possam voltar à retomada de seu crescimento tão desejado.

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087