Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro-BA, 48904-087

Lava Jato do RJ prende perito judicial suspeito de ajudar empresas de ônibus.


A força-tarefa da Lava Jato do RJ prendeu nesta quinta-feira (5) o perito judicial Charles Fonseca William. Ele foi pego em Icaraí, em Niterói, Região Metropolitana, na Operação Expertus.


O Ministério Público Federal (MPF) afirma que Charles, em troca de propina, fraudou laudos para favorecer empresas de ônibus e superfaturou valores para relatórios no Judiciário fluminense.


A suspeita é que Charles tenha recebido quase R$ 5 milhões do caixa paralelo das viações.


A Operação Expertus é baseada nas colaborações premiadas de Lélis Teixeira, ex-executivo da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Rio (Fetranspor); de Marcelo Traça, ex-presidente o Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários do Estado do Rio (Setrerj); e de Álvaro Novis, doleiro e operador do esquema de propina comandado pelo ex-governador Sérgio Cabral.





Fonte: G1