No apagar das luzes, Caíque decide e Bahia vence o Bahia de Feira.


A equipe de transição do Bahia lutou até o final e se deu bem. No último lance do jogo, o Esquadrão de Aço marcou com Caíque e venceu o Bahia de Feira por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (29), na Arena Cajueiro, pela terceira rodada do Baianão.


O resultado deixa o Bahia com sete pontos, na primeira posição da competição estadual. No próximo domingo (2), o time de transição encara o Jacuipense no estádio de Pituaçu.


O JOGO


A partida começou movimentada no gramado sintético da Arena Cajueiro. Aos quatro minutos, Gabriel Esteves recebeu passe na área e chutou para boa defesa de Jair, que mandou para escanteio. Na cobrança de Ramon, Anderson cabeceou e Jair voltou a defender.


O Bahia de Feira também tentou com Escuro aos 16. De longe, o camisa 22 do Tremendão mandou uma bomba de fora da área e o goleiro Matheus Claus encaixou. Com 23, foi a vez do Bahia arriscar de longe com Willean Lepo. No caso do lateral, a bola passou ao lado da meta.


Quando o relógio marcava 30 minutos, o Tremendão teve uma grande chance. Jarbas levantou a bola na medida, Pedro cabeceou e a bola passou muito perto. Logo depois, o Bahia reagiu. Saldanha ficou de frente para o gol, mas finalizou em cima da defesa.


Aos 42, o Bahia de Feira voltou a assustar. Dentro da área, Neguinho driblou e teve o chute bloqueado pela defesa. Na cobrança do escanteio, a bola foi desviada para o meio da área, Capone chutou e Matheus Claus fez uma grande defesa.


Segundo tempo


O início do segundo tempo foi marcado por uma chance perdida do Bahia. Aos quatro minutos, Saldanha recebeu lançamento e ficou de frente para Jair, mas fez feio na hora de tentar encobrir e botou pra fora. Um minuto depois, Esteve finalizou e Jair espalmou.


Aos dez minutos, do flanco esquerdo, Arthur Rezente bateu falta venenosa e a bola passou perto da meta. Na sequência, o Tricolor diminuiu o ritmo ofensivo e fiu o Bahia de Feira arriscar. De longe, Capone mandou uma bomba que assustou.


O jogo, que era movimentado na primeira etapa, ficou pegado do meio para o fim da segunda etapa e as chances de gol diminuíram para os dois lados. Uma boa oportunidade só reapareceu aos 37 minutos, quando Gustavo acertou o travessão após receber cruzamento de Alesson.


Aos 45, Régis, que entrou na segunda etapa, arriscou de fora da área, mas a bola foi rasteira e passou ao lado do gol. Com 49, Ramon bateu falta e quase acertou a rede.


Caíque decide no fim


No último minuto, Caíque recebeu dentro da área e levou a melhor contra dois zagueiros e bateu rasteiro, sem dar chances para Jair. Foi o golpe fatal do Esquadrão de Aço em plena Arena Cajueiro.




Fonte: Bahia Notícias

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087