“O rico que chega de jatinho tem condições de se tratar em um Sírio-Libanês”, diz Rui Costa



Em coletiva de imprensa, o governador Rui Costa (PT) voltou a defender o impedimento da realização de festas de fim de ano na Bahia.


Por sua determinação, a Polícia Militar tem acabado com diversos eventos que registram aglomeração.


O rico que chega de jatinho pode até ficar doente, porém tem condições de se tratar em um Sírio-Libanês, por exemplo, e acaba passando a doença para o garçom que serve na festa, bem como para a doceira que está ali fazendo e vendendo doces e, sem dúvida, podem sofrer com a falta de leitos”, ressaltou.


Na noite desta terça-feira, o Tribunal de Justiça da Bahia voltou a impedir a realização de festas de Réveillon em Porto Seguro.


O gestor lembrou ainda do números de mortes no estado, que chegou a 70 por dia. “No período mais baixo foram 20 óbitos por dia. Hoje estamos com 30 óbitos por dia, ou seja, voltamos a subir e precisamos controlar isso. O vírus sofre mutação e pode contaminar as pessoas mais de uma vez”, alertou.




Fonte: Política ao Vivo


Sua opinião é importante para nós. Faça o login e deixe seu comentário no rodapé de nossas matérias. O CARTAZ DA CIDADE agradece por sua participação.

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087