Prefeituras de Minas se preocupam muito com decisão da Vale


Após o acidente em Brumadinho, a Vale decidiu encerrar as atividades nas demais barragens de Minas Gerais e, pasmem, os Prefeitos estão mais preocupadas com a queda da arrecadação dos royalties. “Isso pra gente é um caos”, diz prefeito de Nova Lima. Nova Lima recebe R$ 108 milhões por anos de royalties – 46% saem da Vale.

Nem precisamos dizer que os administradores públicos não estão se preocupando realmente com as vidas das pessoas, ou com as alternativas de soluções para o problema de arrecadação, fruto, é claro, de uma completa falta de preparo destes gestores eleitos.

Mas, a Vale garante que não vai cortar os repasses e vez. A empresa está negociando a manutenção dos repasses, por um período, até que os processos sejam modernizados para melhorar as condições de segurança.

Em meio a tanta tragédia, esperamos que o bom senso prevaleça.

Em nota, o Governo de Minas Gerais declarou que vai perder cerca de R$ 300 milhões entre impostos e royalties, mas que é a favorável ao uso de tecnologias alternativas para a disposição de rejeitos em barragens.

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087