Secretário diz que alta de mortes diárias por Covid na Bahia é resultado de notificações atrasadas



Fábio Vilas-Boas explicou que havia subnotificação em municípios do interior e hospitais privados

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, esclareceu hoje (21), em entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, a alta nos óbitos apontados diariamente no boletim de coronavírus do estado. De acordo com ele, o número não representa um aumento recente nas mortes por Covid-19 .


“Nós, há cerca de três semanas, descobrimos que havia uma grande subnotificação de óbitos nos municípios de pequeno porte e também em hospitais privados. Desde lá nós estamos fazendo um enorme esforço, inclusive com empréstimos de funcionários do SAC que estavam em home office, para resolver esse problema”, explicou o secretário.


Ainda de acordo com Fábio, a Sesab entrou em contato com 417 secretarias municipais de Saúde baianas, incluindo Salvador, para que entrassem no sistema de notificação do Ministério da Saúde e concluíssem as investigações dos óbitos. “Uma morte por Covid-19, que é de interesse epidemiológico, é diferente de outros falecimentos, porque precisa de toda a checagem. Então ao longo dessas últimas três semanas a gente tem feito esse mutirão e isso deu resultado. Tanto que quando a gente vai olhar a data dos óbitos nos boletins, dá pra ver que não foram 74 somente ontem, porque 85% tem mais de uma semana e 50% tem mais de 15 dias. Esse rastro vai até quase dois meses atrás”, afirmou ele.

Fonte: Metro1

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087