Sobrevivente de incêndio e dispensado pelo Flamengo desabafa: 'Somos apenas números'.


O meio-campista Felipe Cardoso, de 16 anos, fez um desabafo nas redes sociais após ter sido dispensado do Flamengo. O jovem é um dos sobreviventes do incêndio no Ninho do Urubu, centro de treinamento do clube carioca, que matou 10 garotos aspirantes a jogador de futebol, no início da manhã do dia 8 de fevereiro de 2019. Além de se salvar, ele ajudou outros companheiros a fugir dos alojamentos. O atleta chegou ao Rubro-Negro no início de 2019, após passagem pelo Santos.


"Aprendi mais uma dura lição da vida em busca deste sonho ao ser liberado pelo Flamengo, no dia 13/01/2020, por telefone, não entendi e chorei, gritei, culpei tudo e todos, não quis falar com ninguém por um período, a dor foi gigante em meu peito", escreveu. "Após refletir muito cheguei à conclusão que somos apenas números para muitos", completou.


Além de Felipe outros quatro garotos, que são o zagueiro Naydjel Callebe, o lateral-direito João Victor Gasparin, o meia Caike Duarte Pereira da Silva e o atacante Wendel Alves, não tiveram seus vínculos renovados com o Flamengo. Porém, os cinco atletas foram convidados pelo rival Vasco para um período de testes, que normalmente tem duração de 15 dias. Eles serão avaliados e ao final saberão se foram aprovados ou não.



Fonte: Bahia Notícias

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087