TJ-BA exonera servidor preso na 'Operação Inventário'



O presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), desembargador Lourival Trindade, exonerou o servidor Carlos Alberto Almeida de Aragão nesta sexta-feira (11). O servidor atuava como diretor de Secretaria da 3ª Vara de Família, Sucessões e Órfãos. O servidor foi preso na “Operação Inventário”, deflagrada nesta quinta-feira (10), em Salvador (veja aqui).  


A operação foi realizada pelo Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações Criminais do Ministério Público estadual (Gaeco). Além dele, foram presos os advogados João Carlos Santos Novaes e Marco Aurélio Fortuna Dórea, e cumpridos mandados de busca e apreensão nas residências dos alvos e em escritórios de advocacia nos municípios de Lauro de Freitas e Salvador. 


Fonte: Bahia Notícias

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087