Valores envolvidos na BahiaInsulina viram mistério e deixam negócio obscuro



Os valores reais envolvidos na criação da empresa estatal baiana BahiaInsulina, que ainda precisa da aprovação dos deputados estaduais para acontecer, tornaram o negócio obscuro e levantaram uma série de dúvidas sobre qual será o real investimento do Governo da Bahia em meio à pandemia de Covid-19.


Isso porque o deputado estadual Paulo Câmara (PSDB) apontou para o investimento de R$ 200 milhões na criação da empresa. O secretário de Saúde da Bahia, no entanto, afirmou que uma empresa ucraniana fará o aporte.

A partir daí, tudo é um grande mistério. Não se sabe qual será o retorno financeiro desta empresa ucraniana ou qual a participação dela na nova estatal baiana. Além disso, também não foi divulgado qual seria o investimento do Governo da Bahia na criação da BahiaInsulina.


A operação lembra a suposta criação de uma fábrica de respiradores na Bahia, no início da pandemia de Covid-19. Depois, descobriu-se que tratava-se na verdade de uma fábrica que faria o conserto de respiradores inválidos comprados pelo poder público. O caso virou alvo de inquérito no Ministério Público Federal (MPF).


Nelson Leal, presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), convocou para próxima terça (25), uma sessão extraordinária, de forma virtual, para votar o projeto. Porém, tanto Paulo Câmara quanto Tiago Correa (PSDB) afirmaram ao site Política ao Vivo que pediram mais tempo para apreciação da proposta, tirando-a da pauta na terça.



Fonte: Política ao Vivo

Siga-nos em nossas redes sociais

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Notícia

Desenvolvido por

© 2018-2019. Todos os direitos reservados.

CaJú Publicidade Ltda

CNPJ: 21.107.640/0001-75

Marca_CaJú_PNG.png

Av. Flaviano Guimarães, 333, Cajueiro, Juazeiro - Bahia - Brasil 48904-087